Imagem Destaque

Oportunidades de negócios nacionais e internacionais são destaques do segundo dia

publicado em 16/08/2018 por Assessoria

Além da programação intensa de workshops, painéis, palestras e oficinas do segundo dia do 9º Congresso Nacional Moveleiro, promovido pelo Sistema Fiep no Centro de Eventos Expoara, em Arapongas, norte do Paraná, o dia foi de gerar negócios.

Os Encontros de Negócios promovidos pelo Sebrae/PR reúnem 30 compradores nacionais (lojistas de grandes redes varejistas, distribuidores e operadores de e-commerce) que ficam frente a frente com vendedores e proprietários de micro e pequenas indústrias moveleiras de diferentes regiões do Paraná, que vieram por meio de caravanas promovidas pela entidade, para fechar negócios. O consultor do Sebrae/PR, Rubens Negrão, explica que o objetivo é apresentar aos compradores o potencial das indústrias moveleiras de Arapongas, da região Oeste e da capital do estado e incentivar as vendas. “A expectativa é que até o fim do evento, com os 350 encontros, serão gerados R$ 2 milhões em negócios nas rodadas nacionais”, estima ele.

Para a compradora Sibely Quinalha, da Ambientecool Design, de Campinas, que atua no ramo de projetos de arquitetura e design para o mercado corporativo, os encontros surpreenderam. “Gostei do mix de empresas que conheci. Agora, farei uma avaliação mais criteriosa dos produtos apresentados no portfólio para poder incluir nos meus projetos. Aqui é um bom caminho para fechar boas e novas parcerias”, destacou.

Já o vendedor Saulo Jahjah, da Aluminum Decor, de Arapongas, ficou satisfeito com o resultado dos eventos até agora. “A nossa loja é especializada em móveis (mesas e cadeiras) de alumínio para área externa. Conseguimos prospectar novos clientes para entrar em outros mercados onde não atuamos ainda”, afirmou.

Mercado Externo

Já o espaço reservado para as rodadas de negócios com compradores internacionais estava movimentado na manhã desta quinta-feira (16/8). A ABIMÓVEL, em parceria com a Apex-Brasil, por meio do projeto Brazilian Furniture, está promovendo contatos entre indústrias moveleiras e compradores de diversos países.

Agenda técnica das rodadas tem 50 importadores do Chile, Colômbia, Peru, Panamá (abrangendo a América Central), México, Estados Unidos, Europa e Emirados Árabes Unidos (com expansão para os países do Golfo/Norte da África). “Estes encontros serão viabilizados graças ao Projeto Setorial Brazilian Furniture, fruto da parceria da ABIMÓVEL e da APEX Brasil, e consolidam o trabalho de tornar a região Norte do Paraná uma referência na produção de móveis, ampliando a competitividade e abrindo novos mercados aos empresários do setor”, destaca Cândida Cervieri, diretora-executiva da ABIMÓVEL.

O representante da empresa da Costa Rica, Ching Yang Chung, que está no Brasil pela primeira vez, achou o formato muito produtivo. “Achei as reuniões dinâmicas e objetivas e os produtos apresentados com design inovador, o preço competitivo e com boas possibilidades de exclusividade da venda por minha empresa. Também fiquei interessado nos produtos em couro e no mobiliário de TV e estantes”, disse.

Ana Maria Zuluaga, compradora da Colômbia, já é veterana de Brasil. Em Arapongas, ela foi em busca de ampliar a variedade de produtos do portfólio de sua empresa e também veio buscar peças com design inovador. “O Brasil apresenta sempre novidades em design de mobiliário que agradam muito nossos clientes na Colômbia. Gostei muito dos projetos de interiores que vimos aqui e também estamos pensando em ampliar nossos negócios no Brasil”, adiantou.

O dia também foi produtivo para profissionais do interior do Paraná que viram o Congresso como oportunidade de exportar seus produtos. Leandro Miazo, da Karam Estofados, de Terra Rica, disse que em apenas quatro rodadas com compradores de Chile, Colômbia e Argentina já ficou animado com o resultado. “É nosso primeiro passo rumo ao mercado de exportação, só atuamos no Brasil, especialmente no sul e sudeste, e nossa intenção é que 15% de nosso faturamento seja resultado de exportações para a América do Sul. Por isso, nossa meta não é só aproximação, queremos sair daqui com negócios fechados e novos parceiros consolidados”, contou.

“Já participamos de outros eventos como este, já temos experiência em exportação pela atuação em 25 países. Nosso foco são móveis para casa, dormitórios, roupeiros, móveis para salas e uma linha de metal, de mesas e cadeiras que está rendendo interesse dos compradores. Hoje pretendo sentar com representantes da Costa Rica e Uruguai e de outros países da América Central, Caribe e Oriente Médio para expandir ainda mais nossas exportações, que hoje são uma alternativa ao mercado interno, que está estagnado”, assinalou Endrigo Feron, da Nativa Móveis de Pato Branco, sudoeste do Paraná.

O 9º Congresso Nacional Moveleiro tem ainda o espaço Estilo de Vida, que faz uma conexão entre o ambiente virtual e o real com ajuda da realidade aumentada. O congresso acontece até amanhã, sexta-feira (17/8), em paralelo com a Mostra Móveis,  promovida pelo Centro de Eventos Expoara.

Mais informações pelo site www.congressomoveleiro.org.br.

voltar
Logos